Europa ouvirá falar em julho da ilegalizaçom de Causa Galiza

mirandaTodos os foros som úteis para espalhar aos quatro ventos o processo repressivo de exceçom aberto sobre o Independentismo Galego organizado. Neste sentido, as pessoas encausadas na Operación Jaro contatamos recentemente com Ana Miranda, nº 2 da candidatura Os Povos Decidem, coligaçom do BNG com EH Bildu outras forças nacionalistas, para que a política de exceçom do Reino de Espanha na Galiza seja conhecida em Europa. Segue a ler

CIG colaborará na denúncia da ilegalizaçom e o hipotético juízo político

cig   As independentistas encausadas na Operación Jaro contatamos recentemente com o sindicato nacionalista CIG para recabar o seu compromisso na denúncia do atual processo repressivo no mundo laboral. Esta solicitude assumida pola central galega concretará-se após o verao na leitura dum manifesto informativo nas assembleias de delegadas e delegados da CIG em todo o País e o debate sobre a significaçom política da ilegalizaçom. Segue a ler

Processados na ‘Operación Jaro’ iniciárom umha campanha informativa permanente

Palestra JaroAs nove independentistas detidas no passado outubro no marco da Operación Jaro da Guardia Civil decidírom iniciar umha campanha informativa continuada sobre o seu processo que consistirá na celebraçom de palestras informativas com associaçons vicinais, centros sociais, comités de empresa, centros de ensino, etc., de modo que a sociedade galega conheça de primeira mao a operaçom, as suas consequências e a perspetiva coletiva das pessoas encausadas. Segue a ler

Inauguramos novo sítio web informativo

BandeiraÉ o instrumento que faltava: um sítio web para socializar as dinámicas de denúncia e solidariedade relativas ao processo repressivo conhecido como Operación Jaro iniciado no passado outubro. Neste espaço daremos conta pontualmente do trabalho que o Coletivo de Independentistas Imputadas e Imputados na citada operaçom político-policial despregamos para iniciativa de denúncia e defesa. Segue a ler